CORRETOR DEVE PRESTAR ASSISTÊNCIA AO CLIENTE ATÉ A ENTREGA DO IMÓVEL


Para o corretor de imóveis, pode ser mais uma venda. Para o cliente, o sonho realizado de muitos anos. Então engana-se aquele profissional que interpreta o final da negociação como a assinatura da documentação do imóvel. Prestar assistência ao cliente até que a entrega do imóvel seja feita é uma maneira de fidelizá-lo e prestar um atendimento diferenciado.

Segundo o especialista em desenvolvimento de pessoas, André Vinícius, o primeiro passo é entender que a venda abrange desde o primeiro contato até a entrega das chaves e a ocupação do imóvel pelo cliente. “O corretor deve informar regulamente o cliente sobre a situação da documentação, o andamento da obra, além de auxiliá-lo na obtenção de outros serviços como decorador, arquiteto, marceneiro", afirma.

Embora este contato possa ser feito por e-mail ou telefone, o especialista recomenda a interação pessoal entre corretor e cliente. “Esta é a oportunidade para o corretor conversar sobre o imóvel, verificar as necessidades do cliente, tirar as possíveis dúvidas e fidelizá-lo. É importante lembrar que o período que antecede a entrega das chaves é de muita indecisão, ansiedade e impaciência por parte do cliente”, orienta André Vinícius.

Outra dica é enviar periodicamente fotos e vídeos quando a obra ainda está em andamento. “A empresa ou profissional também pode presenteá-lo a cada etapa, com algo que o faça lembrar que o imóvel é uma conquista e a aquisição deve ser comemorada”, ressalta.

O corretor de imóveis é a ponte que liga o cliente ao seu sonho. Esta é a hora de fazer com que este cliente se sinta especial. “O corretor deve se colocar ao lado dele para dar toda assistência com o objetivo de transformar o período de ansiedade em um momento único. Fazer com que as pessoas se sintam especiais é o caminho para fidelizar e vender mais”, finaliza André Vinícius.