EXCLUSIVIDADE NÃO PODE SER OPÇÃO, É A VIDA DO CORRETOR DE IMÓVEIS.


O mercado imobiliário precisa da exclusividade para melhorar o seu nível de profissionalização e confiabilidade, e a VERDADE É ÚNICA, somente o corretor de imóveis pode fazer isso acontecer.
Quando um corretor aceita uma captação sem a exclusividade passa para o mercado a imagem de que talvez ela não seja a melhor opção para vender determinado imóvel. Não existe comprometimento entre as partes e isso é péssimo para todo tipo de negócio.
A maioria dos corretores me diz: “eu sempre peço exclusividade, mas o vendedor não quer dar”. Acredito isso acontece mesmo, mas por que será que o cliente não quer dar uma exclusividade? Você já parou para pensar como você pede e apresenta esse método de trabalho? Sim, trabalhar em exclusivo exige uma metodologia. Aqui vão algumas dicas que podem ajuda-lo nesse processo:
1) Acreditem no sistema, corretores que trabalham com dois tipos de captação passam a mensagem de que eles próprios não acreditam muito na exclusividade. Trabalhe apenas com imóveis em exclusivo, pode ser difícil no início, mas com o tempo vai gerar reconhecimento e garantir bons negócios. É muito melhor ter dez boas captações em exclusivo para trabalhar do que oferecer os 300 imóveis na base de dados da imobiliária. Foco gera resultado;

2) Tenha um padrão de trabalho para o imóvel captado e apresente uma metodologia para fazer com que a venda ocorra no menor tempo possível e pelo melhor preço, é só isso que o seu cliente deseja;
3) Crie um relatório de serviços efetuados, é chato? Sim é! Mas é necessário, parte do seu trabalho tem que ser chata, até jogador de futebol reclama de algumas coisas, mesmo fazendo o que ama e ganhando muito dinheiro. Crie um documento com estatística dos imóveis vendidos e demonstre conhecimento sobre a região e o tipo de imóvel captado, isso dá segurança ao vendedor, ele só vai dar exclusividade se você for muito melhor do que os outros;
4) Entre em contato constantemente com o proprietário do imóvel captado, explique o que está sendo feito, o status de cada tarefa e as dificuldades que vem encontrando. Envie por e-mail um relatório e atividade e justifique assim a sua comissão. Juridicamente isso demonstra que você vem trabalhando o imóvel e evita problemas futuros que podem ocorrer;
5) Tenha uma rede de relacionamento com outros corretores que possuem um nível de trabalho que você reconhece como de qualidade, troque informações sobre possíveis clientes e negócios, ter uma exclusividade não significa trabalhar sozinho, significa garantir uma parte da comissão por um trabalho bem feito;
6) Seja transparente com o seu cliente, aceitar uma exclusividade pelo preço que o cliente vendedor quer e não pelo preço de mercado é o primeiro erro de um corretor para garantir o imóvel em exclusivo. O especialista é você e não ele. Você discorda da dose que o médico receita quando tem que tomar um remédio? Nesse caso é a mesma coisa;
7) Peça para o seu cliente entrar em contato com outros clientes eu você já atendeu em exclusivo e peça para ele tomar referências suas e de como o seu trabalho foi executado. Transmita confiança. Nunca vi um corretor fazer isso, dizer ao possível cliente: “Você está em dúvida, tem aqui uma lista de clientes que eu atendi, pergunte a eles como foi o meu trabalho, fique com o meu cartão e me ligue depois”;

8 ) Se você trabalhar em uma imobiliária com marca reconhecida, apresente isso como um diferencial, utilize a marca como alavanca de qualidade. Existem hoje marcas nacionais e internacionais no mercado imobiliário brasileiro que podem servir de suporte para o corretor que está iniciando. Mas lembre-se, a grande marca do corretor é o trabalho do próprio corretor;
Faça um teste, tente essas dicas, melhore sua imagem e aumente os seus negócios.